Mapeamento de perfil comportamental: conceito, testes e como aplicar

O mapeamento de perfil comportamental é uma ferramenta que permite às empresas conhecerem melhor os candidatos às suas vagas. 

Assim, é possível identificar padrões de comportamento, entender tópicos relacionados às motivações, estilos de trabalho e preferências, além de reconhecer, valorizar e potencializar a singularidade de cada pessoa. 

Afinal, cada indivíduo traz para a mesa um conjunto único de habilidades e formas de reagir e executar tarefas — o que contribui diretamente para a riqueza do tecido corporativo. 

A relevância do tópico cresce ainda mais à medida em que o dinamismo do meio corporativo também aumenta, em um cenário em que as contratações precisam ser cada vez mais assertivas e estratégicas

Pensando nisso, no artigo de hoje vamos explorar o conceito de mapeamento de perfil comportamental, sua importância, e como funciona.

Ainda, vamos conferir os tipos de testes mais eficazes disponíveis e discutir como sua correta aplicação pode transformar o modo como as organizações lidam com seus talentos. 

Acompanhe a leitura!


O que é mapeamento de perfil comportamental?

O mapeamento de perfil comportamental é uma abordagem estratégica usada pelo RH para avaliar e compreender as características individuais dos colaboradores. 

A análise busca entender como cada indivíduo se encaixa em sua função, nas equipes e na cultura da empresa. 

Objetivo e importância do mapeamento do perfil comportamental

Mas, afinal, qual o objetivo prático de mapear o perfil dos colaboradores de uma empresa? 

Antes de mais nada, podemos afirmar que a ideia dessa prática não é rotular ou invadir a privacidade de cada pessoa.

Assim, o objetivo é entender como diferentes pessoas agirão em diversos contextos, como trabalham em equipe, qual seu estilo de liderança, como tomam decisões, entre outros aspectos.

Dessa maneira, identificar os perfis comportamentais é importante porque otimiza a gestão de recursos humanos, alocando as pessoas em funções que mais se alinham a elas mesmas. 

Assim, é possível promover a satisfação no trabalho, a produtividade e, consequentemente, contribuir para o sucesso da organização. 

Leia também

Como funciona?

Mapeamento de perfil comportamental: conceito, testes e como aplicar

Agora que compreendemos o que é e qual o objetivo de mapear os perfis dos colaboradores e candidatos a vagas, vamos então entender como o processo acontece.

O mapeamento comportamental funciona a partir da aplicação de diferentes metodologias, sendo os testes com questionários quantitativos o mais comum.  

Os questionários aplicados (que inclusive são fundamentados em pesquisas psicológicas),  avaliam uma série de habilidades dos profissionais, como a capacidade de liderar, tomar decisões, manter a autoconfiança e lidar com pressão.

Os resultados classificam cada pessoa em perfis profissionais diferentes. 

A boa notícia é que com o avanço tecnológico, essas avaliações agora são apoiadas por softwares avançados, capazes de fornecer análises mais detalhadas, eficazes e bem mais rapidamente. 

Falaremos mais sobre isso ainda nesse artigo. Continue acompanhando! 

Quais são os tipos de testes de mapeamento de perfil comportamental?

Ao longo do tempo, diversas metodologias de análise de personalidade foram desenvolvidas, resultando em uma variedade de testes de perfil comportamental. 

A seguir, apresentamos os testes mais populares utilizados no contexto corporativo atual. Acompanhe! 

1. Teste DISC

O Teste DISC é uma avaliação comportamental que categoriza os traços de personalidade em quatro principais grupos: 

  • Dominância (D): expressa assertividade e controle; 
  • Influência (I): revela sociabilidade e comunicação; 
  • Estabilidade (S): aponta níveis de paciência e cooperação; 
  • Conformidade (C): reflete a precisão e organização. 

Criado em 1920 por William Marston — PhD em psicologia pela Universidade Harvard — , esse teste ajuda a entender como um indivíduo age em ambientes de trabalho, como eles interagem uns com os outros e como lidam com tarefas e desafios.

2. Teste de perfil STAR

A nomenclatura de STAR vem de Situação, Tarefa, Ação e Resultado. 

Esse método é simples e funciona como uma entrevista, em que uma situação real é apresentada a um indivíduo. 

O entrevistado é encorajado a descrever situações passadas e suas ações para alcançar resultados concretos, o que pode revelar aspectos de seu perfil comportamental.

Como você pode perceber, essa abordagem é mais qualitativa e por isso permite o aprofundamento nas experiências de uma pessoa. 

3. Teste Big Five (5 fatores comportamentais)

O Teste Big Five, também conhecido como Modelo dos Cinco Grandes Fatores, é um dos mais completos, porque encontra informações em cinco dimensões de personalidade bastante importantes, sendo elas:

  1. Necessidade de estabilidade: esse fator busca entender se a pessoa é mais ou menos reativa/receptiva;
  2. Extroversão: se uma pessoa tem tendências para trabalho em grupo ou individual;
  3. Originalidade: se refere à disposição para experimentar coisas novas e diferentes; 
  4. Consolidação: se refere à motivação de um indivíduo e seu grau de esforço para realização de suas metas;
  5. Acomodação: busca entender se a pessoa tem um perfil negociador, desafiador ou acomodado.

Este teste é valorizado pela sua capacidade de prever o desempenho no trabalho e a compatibilidade com a cultura da empresa. 

Como escolher o melhor teste?

Mapeamento de perfil comportamental: conceito, testes e como aplicar

Como você viu, cada um dos testes apresentados é bastante completo, detalhado e aborda aspectos da personalidade de uma forma diferente. 

Por isso, não dá para dizer que existe uma opção superior ou capaz de substituir outra integralmente. 

Dessa forma, os líderes e gestores de RH devem avaliar os objetivos da empresa e o perfil dos colaboradores desejados ao escolher um teste comportamental. 

A decisão pelo teste mais apropriado depende de qual conjunto de características se deseja mapear e desenvolver. 

Vale ressaltar, entretanto, que existem softwares e ferramentas no mercado que combinam vários testes juntos, de uma forma em que é possível mesclar diferentes metodologias, conforme as necessidades específicas da empresa. 

É sobre isso que falaremos no próximo tópico!

Como aplicar o mapeamento de perfil na minha empresa?

Você já ouviu falar do Profiler da Sólides? Essa ferramenta avançada de mapeamento comportamental combina a metodologia DISC com outros seis tipos de testes

Com uma precisão de 97%, esta solução é considerada uma das melhores do mercado, sendo validada até mesmo pelas renomadas instituições de ensino e pesquisa USP e UFMG.

Ainda, o Profiler da Sólides é uma ferramenta versátil, útil para candidatos, líderes de gestão de pessoas, profissionais de RH e DP e consultores. 

Para conhecer melhor e aplicar a ferramenta na sua empresa, conte com a aBeelity: uma plataforma que oferece soluções avançadas na gestão da produtividade de cada colaborador de uma empresa

Acesse o site da aBeelity e saiba como podemos ajudar no mapeamento de perfil comportamental da sua empresa! 

Conclusão

No artigo de hoje, vimos que o mapeamento de perfil comportamental é um recurso que pode contribuir para o sucesso de qualquer empresa. 

Afinal, conhecendo melhor os colaboradores e candidatos às vagas, especialmente em um contexto tão dinâmico, as organizações podem tomar decisões mais acertadas e criar um ambiente de trabalho mais produtivo e harmonioso.

💡Gostou desse post? Então visite o nosso blog e confira mais assuntos relacionados

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Mais

Solverwp- WordPress Theme and Plugin